Delegação sul da BAD promoveu ação sobre genealogia

A Delegação Regional do Sul organizou, no sábado 26 de maio, a atividade “Genealogia: história e futuro”. Esta parceria, entre a BAD e a Associação Portuguesa de Genealogia (APG), contou com a colaboração do Cemitério Judaico de Faro, do Arquivo Distrital de Faro e da Universidade do Algarve.

A iniciativa reuniu 24 participantes, que tiveram a oportunidade de visitar o Cemitério Judaico de Faro, onde, sob a orientação do Senhor António Valente, ficaram a conhecer a história da comunidade judaica do Algarve e das principais famílias, influentes no comércio, nos negócios e na indústria da região, radicadas em Faro desde o século XIV até ao século XX. Foi também interessante o pequeno espaço museológico, onde estão representados os principais objetos e ritos religiosos daquela comunidade.

Na sala polivalente da Biblioteca da UAlg, no campus da Penha, tiveram lugar duas comunicações a cargo do Secretário-geral e do Presidente da Direção da Associação Portuguesa de Genealogia: “Genealogia: história e futuro”, por Fernando d’Abranches Correia da Silva e “Genealogia e genética: um admirável mundo novo”, por José Carlos Soares Machado. Na primeira, tivemos oportunidade de perceber o objeto de estudo e método da ciência genealógica sua evolução rigor e interesse de que, ao longo dos tempos, em Portugal desde os primeiros cronistas e livros nobiliárquicos, têm vindo a ser alvo. Na segunda intervenção, foram abordadas novas linhas de investigação, fundamentadas no estudo de ADN paterno (através do estudo do cromossoma Y) ou materno (através do estudo das células mitocondriais), que permitem traçar as linhas e rotas de expansão da raça humana, através da distribuição genética.

Temas fascinantes, que abrem perspetivas de estudo, investigação e colaboração entre diversas entidades.

Na parte da tarde, no Arquivo Distrital de Faro, o colega João Sabóia exemplificou como se pode fazer a genealogia da família, mostrando os registos de batismo, casamento e óbito, em suporte papel e suporte eletrónico. Esta exposição foi enriquecida com o contributo de alguns membros da Associação Portuguesa de Genealogia que, da sua prática de investigação destas fontes, deram exemplos concretos e informações valiosas.

Os participantes demonstraram o seu interesse nesta área e vontade de aprofundar conhecimentos. Ficou em aberto a possibilidade de realização de um curso de formação e uma visita de estudo, em parceria entre a BAD e a APG.

O programa “Genealogia: História e Futuro” concluiu-se com um saldo muito positivo, ao nível do interesse e participação, quer através do sucesso das parcerias e colaborações, quer ainda pela abertura de caminhos e perspetivas futuras.

Margarida Vargues e Nélia Brito Sequeira

Sobre o Autor

Deixe um Comentário




Pretende associar uma imagem ao seu comentário, crie uma em Gravatar.