Social Dendro: Aplicação de técnicas das redes sociais à gestão de dados de investigação

João Rocha da Silva, Nelson Pereira

Resumo


A gestão de dados de investigação é atualmente um grande desafio para as instituições de investigação. Os pequenos grupos de investigação, em particular, necessitam de apoio na gestão dos seus dados para serem capazes de corresponder aos requisitos de dados abertos que começam a ser impostos pelas entidades financiadoras. Dado que o trabalho de investigação é tipicamente desenvolvido em ambiente colaborativo, é importante que seja suportado por ferramentas desenhadas para suportar essa colaboração. É neste sentido que tem vindo a ser desenvolvida a plataforma Dendro para gestão de dados de investigação, uma ferramenta open-source, fácil de instalar e usar por pequenos grupos de investigação, que pretende facilitar o armazenamento e descrição dos dados de investigação em preparação para o seu depósito em praticamente qualquer repositório final. Atualmente está a ser desenvolvida uma extensão à plataforma Dendro, que pretende incorporar diversos conceitos das redes sociais na plataforma (incluindo gostos, comentários e partilhas), com o objetivo de tornar a descrição de dados mais dinâmica e fácil de realizar dentro do grupo de investigação. Após o desenho de esboços de interações, o Social Dendro está neste momento em fase de implementação e testes junto de alguns grupos de investigação. Nesta comunicação será apresentado o modelo de dados da plataforma, alguns exemplos de interação e o estado atual de desenvolvimento da aplicação; terminaremos com algumas breves conclusões e algumas perspetivas de trabalho futuro.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Parceiro institucional:

EBSCO