A ontologia CIDOC-CRM na representação de informação em instituições de memória

Realizou-se no passado dia 16 de Junho o seminário A ontologia CIDOC-CRM na representação de informação em instituições de memória, promovido no âmbito das atividades do Grupo de Trabalho da BAD de Sistemas de Informação em Museus (GT-SIM) .

Esta formação tinha como principal objetivo a compreensão do conceito de ontologia e a sua relevância  no contexto da representação de conhecimento e recuperação de informação em instituições de memória. O seminário, que decorreu em formato de reunião remota, destinava-se a profissionais de informação e documentação de bibliotecas, arquivos e museus (BAM) e demais instituições de memória, sendo aberto também a todos os interessados na temática da representação de conhecimento e recuperação de informação. Foi orientado por Maria José Almeida, técnica superior da Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), onde desenvolve atividades na área de gestão de informação, nomeadamente de preservação digital e aplicação de linguagens de metainformação relativas à representação de bens culturais.

O seminário contou com a participação de quase duas dezenas de profissionais das BAM e investigadores de instituições de ensino superior de praticamente todo o território continental português. Para além do enquadramento conceptual da temática, foi apresentada em detalhe a ontologia CIDOC-CRM e as suas potencialidades para a representação de conhecimento no âmbito do património cultural. O seminário contou ainda com uma parte prática onde os participantes forma convidados a usar este modelo de dados para representar informação registada em diferentes tipologias de objetos culturais. A partir de descrições de bases de dados disponíveis em linha, foram explorados casos de património edificado, objectos de museus, de bibliotecas e arquivos.

Sendo um tema que exige um elevado grau de abstração e conceptualização e alguma complexidade na aplicação prática, houve uma grande adesão dos participantes que se mostraram interessados em aprofundar os conhecimentos adquiridos em futuras formações que o GT-SIM possa realizar.

Sobre o Autor

Grupo de trabalho BAD de Sistemas de Informação em Museus