Proposta de elementos de metadados para representação e recuperação de memória técnica: o caso da Rede Ufes-Rio Doce

Morgana Carneiro de Andrade, Milton Shintaku, Patricia Pacheco de Barros

Resumo


A memória técnica de uma organização pode ser representada por relatórios técnicos, termos de referência, ata de reuniões referentes às consultorias; plano de trabalho; propostas de projetos; acordo; produto de consultorias; editais; termo de cooperação, entre outros. Com o objetivo de propiciar recuperação de informações mais relevantes, foi desenvolvida investigação para identificação de elementos de metadados para otimizar a descrição desses materiais. A estratégia metodológica adotada foi o estudo de caso com aplicação de entrevista semi-estruturada entre profissionais que participam da Rede Ufes-Rio Doce.O estudo de caso foi desenvolvido com a Rede Ufes-Rio Doce, cujo portal disponibiliza recursos sobre a tragédia ambiental de Mariana (Minas Gerais, Brasil). O presente artigo, com base na análise de modelos de relatórios, na revisão da literatura e no estudo de caso, apresenta dados que possibilitam afirmar que as propriedades do DC Terms se mostram insuficientes para a descrição de memória técnica com maior nível de granularidade da informação. Como produto final, são apresentadas opções de esquemas de metadados para representação da memória técnica.


Palavras-chave


Memória técnica; Literatura cinzenta; Metadados; Armazenamento e recuperação da informação

Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Parceiro institucional:

EBSCO