Uma visão geral da produção em periódicos de acesso aberto no Brasil

Thiago Magela Rodrigues Dias, Elaine Rosangela de Oliveira Lucas, Patricia Mascarenhas Dias, Gray Farias Moita

Resumo


Os periódicos são essenciais na Comunicação Científica.  Considerando a importância deste formato de publicação, este trabalho tem como objetivo apresentar as características da produção científica brasileira, indexada na Plataforma Lattes, que tenha como característica o fato de ter sido publicada em periódicos de acesso aberto. Para obtenção dos artigos a serem analisados foi utilizado o LattesDataXplorer, um framework para extração e tratamento de dados. Todos os artigos, publicados em periódicos científicos, registrados nos currículos dos pesquisadores doutores na Plataforma Lattes foram verificados de forma a perceber se o ISSN da publicação estava presente na relação dos periódicos indexados no Directory of Open Access Journals (DOAJ). A análise dos dados revelou que dos mais de 4 milhões de artigos em periódicos cadastrados pelos pesquisadores doutores nos currículos da Plataforma Lattes, aproximadamente 1,5 milhão foram disponibilizados em periódicos de acesso aberto. Os resultados mostraram que as áreas do conhecimento com maior número de publicações em acesso aberto são as de Ciências da Saúde, seguida das Ciências Agrárias. A partir da metodologia utilizada, por meio do cruzamento entre DOAJ e Plataforma Lattes, foi possível mapear e conhecer as características da publicação dos pesquisadores brasileiros em periódicos de acesso aberto, nas diferentes áreas do conhecimento, bem como, possibilitou a análise temporal desta produção.


Palavras-chave


Dados Científicos; Periódicos Científicos; Produção Científica em Acesso Aberto.

Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Parceiro institucional:

EBSCO