Breve diagnóstico da investigação em Ciências da Informação e Documentação em Portugal: teses e dissertações entre 2003 e 2017

Maria Margarida Vargues, Teresa Costa

Resumo


O estudo faz um levantamento ainda não exaustivo e análise das dissertações de mestrado e teses de doutoramento em Ciências da Documentação e Informação apresentadas nas instituições de ensino superior nacionais.

Procura-se sistematizar a produção académica nacional, na área das Ciências da Informação e Documentação em termos de evolução anual, principais temáticas e tendências na investigação.

Contactaram-se as instituições que oferecem ou já ofereceram formação ao nível do 2.º e 3.º ciclos de estudos desta área, entre os anos de 2003 e 2017, a fim de se obterem as listas dos trabalhos de mestrados e doutoramento apresentados e depositados nos repositórios institucionais, neste período.

O estudo é do tipo exploratório, descritivo, bibliométrico, realizado a partir do levantamento das teses e dissertações, num total de 649 trabalhos.

Conclui-se que os estudos em ciências da documentação e informação aumentaram em Portugal, em particular na área das bibliotecas, começando a emergir novas áreas, sobretudo associadas aos repositórios e ao movimento do acesso aberto.


Palavras-chave


Bibliometria, Teses de doutoramento, Dissertações de Mestrado, Ensino Superior, Ciências da Informação e Documentação, Portugal

Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.