Formación en tecnologias de la información en los estudios universitários de bibliotecanomía y documentaciõn en Espana

José Luis Bonal, Cristina Lopez, Carmen Solano Solano, Agustín Vivas

Resumo


Os novos profissionais da informação precisam conhecer e manobrar todas as técnicas e tecnologias da injormação para poder obter 0 máximo possível do próprio trabalho. Para analisar este facto fizemos um estudo comparativo dos diferentes planos de estudo (1º e 2° ciclo) que se leccionam nas diferentes Faculdades e Escolas de Biblioteconomia e Documentação em Espanha, tratando de ver também a evolução que nestes tem acontecido no decurso do tempo.
Os factores que serão objecto de trabalho e comparação estarão relacionados com o conteúdo definitivo para cada cadeira e o nivel de acesso a ferramentas informaticas no processo formativo, o programa das mesmas, area a que pertencem, nomenclatura... como factores determinantes da capacidade do futuro profissional com que se enfrentar aos retos da sociedade da informação.
Como resultado do nosso trabalho, obtivemos uma série de conclusões que nos permitem obter recomendações sabre a inserção das novas tecnologias da informação nos programas formativos regulamentares e nos planos de formação contínua dos profissionais em exercício.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.