As novas regras do jogo na educação técnico-profissional

Edma Satar

Resumo


Este artigo, cujas linhas fundamentais foram apresentadas num Semimário pretende esclarecer as novas regras do jogo na formação tecnico­ profissional com a criação de vias de ensino paralelas e outros métodos de aprendizagem tanto para a educação com vista ao ensino universitário como para a educação com objectivos técnico-profissionais. O ensino deverá ser orientado por docentes com formação adequada e equivalente nos graus de Bacharelato, de Licenciatura, de Mestrado ou de Doutoramento.
Em primeiro lugar, apresentar-se-á o ambiente político dos anos 60 e 70 que precederam as revoluções políticas, preocupadas com um ensino mais democrático que defendesse a igualdade social e as oportunidades educativas para todos os cidadãos; das diferenças que marcaram, nessa altura, a desigualdade pessoal e educacional nos estudantes que frequentavam o ensino liceal e o ensino técnico. Em seguida, realçam-se os projectos educativos e sociais dos governantes europeus que procuram redefinir a política educativa, para quem a falta de formação qualificada e, consequentemente o desemprego são as principais preocupações da Comunidade Europeia. Finalmente, apresentam-se propostas para a reforma dos sistemas educativos e uma reavaliação das sociedades no contexto da mundialização para o próximo século.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.