As revistas jurídicas em Portugal: uma perspectiva bibliométrica

Ana Maria Martinho, Ma Angeles Zulueta Garcia, Marcelo Rebelo Sousa

Resumo


Esta comunicação versa o tema das revistas jurídicas que, conjuntamente com os artigos nelas publicados, constituem os elementos básicos do sistema de publicação científica jurídica e a matéria prima dos estudos bibliométricos. Procurámos caracterizar estes documentos e perspectivar o seu futuro face à realidade actual do ambiente digital. Salientámos a importância da bibliometria jurídica, enquanto factor determinante da avaliação científica e a sua  contribuição para a investigação jurídica. Finalmente, apresentámos os resultados de uma análise bibliométrica realizada com base em indicadores quantitativos, retirados de duas das revistas jurídicas portuguesas mais antigas e com maior continuidade de publicação – O Direito e a Revista da Faculdade de Direito de Lisboa. Esta análise permitiu-nos reflectir sobre o impacto das revistas jurídicas na investigação e obter algumas conclusões relevantes para a edição jurídica portuguesa.

Palavras-chave


Revistas jurídicas, periodismo jurídico, bibliometria jurídica

Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.