Como atingir os nossos utilizadores: o marketing directo nas bibliotecas e serviços de documentação

António Sá Santos

Resumo


Sabemos como é fundamental para os serviços de documentação a existência de utilizadores e a sua procura por parte desses mesmos utilizadores. Das relações que se estabelecem podem surgir sinergias que melhoram o desempenho e a imagem que as bibliotecas transmitem para o exterior. É necessário, por isso, potenciar essas relações e apostar na comunicação de uma forma equilibrada e cuidada, mas sobretudo eficaz. O emprego das novas tecnologias neste campo veio permitir novas maneiras de contacto. O uso e desenvolvimento do e-mail ou das newsletters são instrumentos e recursos que importam desenvolver e potenciar. Eles têm, no entanto, características próprias. O objectivo é fidelizar os utilizadores e sempre que possível alargar o seu número. A gestão eficaz desta lista de utilizadores passará pela criação de bases de dados que permitam inserir elementos que levem a um conhecimento mais profundo do utilizador, de maneira a orientar as propostas e a comunicação para os seus interesses. A comunicação pretende apresentar o e-mail e as newsletters como formas de comunicação personalizada com os utilizadores, levando-os a fidelizarem-se à biblioteca e aos seus recursos.

Do mesmo modo é feita uma abordagem às questões éticas que se podem levantar, quando um serviço cria e dispõe de uma base de dados com informações dos seus utilizadores.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.