A Prática Interdisciplinar no Estudo Iconológico [1] das Fontes Fotográficas: do Traço ao Documento Histórico

Paulo Matias Figueirêdo Júnior

Resumo


Este trabalho objetivo abordar a imagem fotográfica evidenciando o seu valor histórico-documental. Para tanto, discorreremos sobre a necessidade de um estudo iconológico desta fonte imagética, no sentido de ultrapassar os traços remetidos pela mesma (iconograficamente, ou seja, apenas de maneira descritiva), alcançando um nível interpretativo, que por uma prática interdisciplinar, exponha de maneira objetiva, o verdadeiro potencial informativo deste meio de comunicação e expressão.
Iniciamos com uma análise de Philippe Dubois, acerca da relação da imagem fotográfica com o princípio da realidade. O segundo momento compreende a exposição do estudo iconológico propriamente dito, tomando por base, principalmente, os escritos do historiador Boris Kossoy, e da socióloga Gisèle Freund. Encerramos com um sucinto reforço acerca da importância da prática interdisciplinar no processo de reconhecimento da fotografia como documento histórico (através do estudo iconológico); e da importância deste suporte imagético para a memória de um povo.

Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.